blog facebook WhatsApp
Central de marcação: 71 3622-7555
Vida e Saúde - Blog

Miopia e astigmatismo: conheça causas, sintomas e tratamentos.

segunda, 19 de julho de 2021

Assim, como qualquer outro órgão do nosso corpo, os olhos também merecem atenção quanto aos possíveis males que afetam sua saúde. Entre os problemas de visão mais comuns estão a miopia e o astigmatismo. E apesar de ambos serem problemas refrativos, a forma como cada um afeta a visão é diferente. 

Segundo especialistas, a estimativa é de que a miopia atinge cerca de 22% a 30% da população mundial, enquanto mais de 40% das pessoas possuem algum problema de refração, que incluem também hipermetropia e astigmatismo.

Contudo, apesar de ambos serem problemas refrativos, a maneira como a miopia e o astigmatismo afetam a visão é diferente. A primeira ocorre, geralmente, quando o olho é mais longo, fazendo com que o cristalino e a córnea se posicionem mais distantes da retina.

E é por conta desse distanciamento que o problema causa o embaçamento da visão para enxergar objetos distantes, já que as imagens são formadas antes do plano de foco considerado ideal.

Já o astigmatismo não possui relação com o tamanho do globo ocular, e sim com imperfeições presentes no próprio cristalino ou na córnea. São estas deformações nas lentes oculares que geram dificuldade para enxergar objetivos em distâncias maiores ou menores.

Saiba mais sobre cada um desses problemas oftalmológicos e porque o acompanhamento médico é fundamental para a saúde da visão!

O que é miopia e como se manifesta

Como dissemos acima, a miopia se manifesta através de uma anomalia na córnea ou no cristalino, que são estruturas fundamentais para o funcionamento adequado do olho humano.

Num globo ocular considerado saudável, estas estruturas apresentam uma curvatura lisa, que permite a passagem adequada de luz e, assim, a formação correta das imagens. Quando há uma imperfeição, os raios de luz não são refratados da forma esperada, fazendo com a imagem fique desfocada, com a sensação de "vista embaçada".

A principal causa da miopia está relacionada com fatores genéticos, fazendo com que o problema se desenvolva gradualmente. Já na infância é possível observar a presença da miopia, mas isso também pode ocorrer na adolescência, por isso, o diagnóstico costuma ser dado, geralmente, entre os 8 e os 12 anos de idade.

Isso ocorre porque neste período os olhos estão se desenvolvendo, e assim, sua forma pode mudar. No entanto, o surgimento da miopia na fase adulta pode estar associado a outras doenças, como catarata e diabetes, por exemplo.

Como essa anomalia ocular vem de uma predisposição genética, não existem formas de prevenir a miopia. Contudo, vale o alerta: evite coçar muito os olhos, principalmente com força, para evitar a deformação da córnea, que é uma parte bastante sensível.

Como surge o astigmatismo?

O que acontece no olho de uma pessoa com astigmatismo é que a falta de simetria em uma córnea ou uma lente do olho, que resulta numa visão distorcida ou borrada. Nesse caso, o olho de quem possui astigmatismo possui pontos focais múltiplos, como se a imagem fosse formada em pontos diversos do globo ocular, antes e depois da retina.

Não se sabe ao certo o que causa astigmatismo, mas é comum que esse erro refrativo seja genético, estando presente desde o nascimento. Porém, na maioria dos casos, o problema está associado com a presença da miopia ou da hipermetropia, também podendo aumentar com o tempo, devido ao envelhecimento.

Entre os principais sintomas de astigmatismo estão

  • - dificuldade na leitura de letras pequenas;
  • - visão duplicada;
  • - dificuldade para ver de perto e de longe sem apertar os olhos;
  • - sensibilidade à luz (fotofobia);
  • - maior dificuldade para enxergar à noite.

Importância do acompanhamento oftalmológico

Consultas com o médico oftalmologista, ainda que não se tenha nenhum sintoma ou suspeita de problemas oculares, são altamente recomendadas, principalmente na infância. Pois nesse período, é possível identificar problemas de visão como miopia e astigmatismo, e fazer a correção necessária com o uso de óculos.

Em alguns casos, o oftalmologista também pode indicar a realização de uma cirurgia corretiva. Contudo, esse tipo de intervenção costuma ser feita somente em casos bastante específicos e, ainda assim, algumas vezes é necessário continuar a usa óculos durante algum tempo.

Portanto, não deixe de procurar seu médico oftalmologista para realizar exames e observar a necessidade do uso de lentes corretivos ou mesmo de atualizar seus óculos, conforme o aumento ou diminuição do grau.

Notícias recentes
Array Array Saiba mais...
Frutas: principais nutrientes e vitaminas para uma alimentação saudável. Pera, uva, maçã, salada mista: veja como ter uma alimentação mais saudável com as 8 frutas mais nutritivas. Saiba mais...
Saúde mental: maneiras de estimular a mente aprendendo algo novo. Entenda a importância de estimular a mente através do aprendizado e como isso contribui para a saúde mental. Saiba mais...
Setembro amarelo: vamos falar do cuidado com a vida? Saiba mais sobre a campanha Setembro Amarelo e porque é fundamental entender a prevenção ao suicídio como tema de saúde pública. Saiba mais...
5 dicas de como evitar acidentes domésticos. Saiba como estar atento aos perigos que existem dentro de casa e confira estas dicas para evitar possíveis acidentes domésticos. Saiba mais...
Dicas de saúde: 5 hábitos saudáveis para incorporar na rotina. Veja como ter uma vida mais equilibrada com 5 dicas de saúde que ajudam no aspecto físico e emocional. Saiba mais...
Prevenção: como incluir práticas simples no seu dia. Os cuidados com a saúde devem partir de ações simples do dia a dia. Veja como tornar a prevenção de doenças uma prática cotidiana! Saiba mais...
Xixi noturno em adultos: saiba mais sobre a enurese. Entenda as causas do xixi noturno em adultos e qual o tratamento da enurese, que pode estar associada a outros problemas de saúde. Saiba mais...
Saúde mental das crianças: quais cuidados devemos ter? Veja porque a saúde mental das crianças também merece cuidado e como orientá-las para dar atenção às suas emoções. Saiba mais...
Conheça os sintomas que apontam problemas no coração. Descubra como alguns sinais que aparecem no dia a dia podem apontar para a existência de problemas no coração. Saiba mais...
Como funciona o ciclo menstrual e sua relação com a saúde da mulher. Saiba a importância de conhecer o seu ciclo menstrual e identificar os sintomas que fogem da normalidade. Saiba mais...
Miopia e astigmatismo: conheça causas, sintomas e tratamentos. Descubra as causas e tratamentos da miopia e do astigmatismo e a importância de manter a saúde dos olhos em dia. Saiba mais...
Quais exames o cirurgião vascular realiza? Saiba mais sobre os exames realizados e solicitados pelo cirurgião vascular e porque o acompanhamento com esse especialista é importante. Saiba mais...
Dicas de saúde: veja como ter uma vida mais equilibrada e saudável. Uma boa noite de sono, alimentação balanceada e exercícios físicos diários são a chave para ter mais saúde e disposição Saiba mais...
Descubra os benefícios dos alimentos para a saúde. Entenda os reais benefícios dos alimentos e como uma dieta saudável e balanceada pode melhorar sua saúde. Saiba mais...
Cuidados com o coração: como manter uma rotina saudável? Descubra como uma rotina saudável pode ajudar nos cuidados com o coração a partir de hábitos simples. Saiba mais...
Conheça os principais exames de rotina mais comuns conforme algumas especialidades. Principais exames de rotina de acordo com a pediatria, ginecologia e urologia. Saiba mais...
Sintomas e sinais de que é hora de procurar um cirurgião vascular? Descubra quais as principais doenças tratadas pelo cirurgião vascular e saiba qual o momento de procurar esse especialista. Saiba mais...
Hipertensão: como prevenir e tratar? Saiba mais sobre como a hipertensão arterial se manifesta e conheça formas de prevenção e tratamento da doença. Saiba mais...
O que é a Síndrome pós-Covid e como identificá-la. Saiba mais sobre a Síndrome pós-Covid e a importância de manter o acompanhamento médico mesmo depois de passar pela doença. Saiba mais...