blog facebook WhatsApp
Central de marcação: 71 3622-7555
Vida e Saúde - Blog

O que são cistos mamários e como tratá-los?

segunda, 08 de março de 2021

Os cistos mamários costumam ser motivo de preocupação para as mulheres. Contudo, médicos alertam que a existência deles não está relacionada ao câncer de mama, nem aumenta o risco de desenvolver a doença, como muitos imaginam. Porém, isso não significa que, ao identificar sua existência, não seja necessário dar continuidade à investigação diagnóstica.

Mas afinal, o que são cistos mamários? O cisto nada mais é o que um nódulo, em formato oval ou redondo, que se forma num ponto chamado ducto terminal da unidade lobular mamária (DTUL).

Eles podem aparecer em apenas uma ou nas duas mamas. E também se formam de modos diferentes: um único nódulo, vários nódulos independentes ou um grupo de pequenos cistos.

As causas que levam à formação de cistos mamários, que geralmente ocorrem em mulheres na faixa etária entre 35 e 50 anos, estão mais ligadas à flutuação hormonal.

Sobretudo em mulheres com estilo de vida que leva à menarca precoce ou menopausa tardia, que não tiveram filhos ou tiveram poucos, com períodos de amamentação curtos, o maior tempo de exposição do organismo feminino à flutuação dos hormônios pode facilitar a obstrução dos ductos mamários que desencadeia os cistos.

Estes, são compostos de um líquido formado por água e sais minerais. Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não há presença de leite nos cistos mamários.

Tipos e características dos cistos mamários

Os cistos mamários são classificados como: simples, complicados e complexos. Essa diferenciação é feita com base nas características identificadas no exame de ultrassonografia. 

O que, geralmente, leva a mulher a procurar um médico é a identificação de uma massa palpável na mama. Ou ainda, por dor ou desconforto causados por essa massa. Sua textura pode variar, sendo comumente descrita como algo parecido com uma uva, uma bexiga d'água ou mesmo um nódulo duro.

Apesar de ser mais difícil identificar um cisto pelo exame físico, quando palpável ele costuma ser descrito como um nódulo móvel, firme, mas de consistência macia. Todavia, os cistos mamários podem ainda aparecer como um aglomerado de pequenas massas ou como uma massa indefinida. 

Principais sintomas

Os cistos mamários podem se apresentar de forma dolorosa ou indolor. No segundo caso, isso dificulta um pouco identificar sua presença antecipadamente, e por isso o exame de toque é fundamental.

Contudo, um aumento de um cisto pode causar dor localizada e intensa, que aparece subitamente. Geralmente, antes do início da menstruação, as alterações microcísticas causam dor ou hipersensibilidade, e esse sintoma pode persistir durante todo o ciclo menstrual.

Como é feito o diagnóstico?

Os cistos não palpáveis dificilmente são identificados através do autoexame ou mesmo no exame clínico realizado em consultório. Portanto, os exames de imagem, como a mamografia e a ultrassonografia, são mais indicados para diagnosticar a presença de um cisto. Além disso, é no exame de imagem que se poderá distinguir suas características.

No caso da ultrassonografia, é possível visualizar, até mesmo, os chamados microcistos, que têm tamanho menor que 0,4 cm de diâmetro e por isso não são palpáveis. Já as massas maiores, chamadas macrocistos, podem chegar a 5 cm de diâmetro, e são mais facilmente encontrados no exame físico. Por conta do tamanho, podem causar dor e desconforto.

Contudo, pela palpação não é possível distinguir a presença de um cisto benigno, de uma massa sólida de cistos ou aglomerado, ou de um tumor. Portanto, ao detectar a lesão na palpação, o médico deverá solicitar um exame de imagem para ter um diagnóstico mais preciso.

Como tratar os cistos mamários?

No caso de ocorrência de cistos simples benignos e assintomáticos, não existe nenhuma conduta terapêutica adicional. Assim, basta que a mulher realize o acompanhamento e observe a evolução do cisto periodicamente, conforme o médico orientar.

Ao observar alterações no tamanho ou formato, ou mesmo em caso de dor, o médico poderá retirar uma amostra do líquido para que sejam feitos exames de laboratório. Essa punção é feita no próprio consultório.

Já no caso de cistos mamários de tamanho maior, que estejam inflamados e causem dor, poderá ser indicado um tratamento para alívio dos sintomas, com uso de analgésicos e anti-inflamatórios.

Saúde de mulher: a importância dos exames preventivos

Uma vez que os cistos mamários podem não ser detectados com facilidade no autoexame das mamas, é fundamental que a mulher realize consultas periódicas com seu ginecologista e faça os exames preventivos, especialmente a mamografia. Essa é a forma mais eficaz de antecipar o diagnóstico e dar o tratamento correto ao problema.

Além disso, nas conversas com o médico são tiradas todas as dúvidas a partir de informações concretas e confiáveis, o que diminui a insegurança frente ao problema.

Notícias recentes
Principais alergias que atingem os brasileiros. Entenda melhor o que são alergias e conheça os tipos que mais atingem os brasileiros. Saiba como se manifestam e qual o tratamento adequado. Saiba mais...
Último trimestre de gestação: o fim de uma jornada e o início de outra. Saiba mais sobre o último período de gestação, que vai do 7º ao 9º mês, e quais os primeiros cuidados após o parto. Saiba mais...
Vitaminas e suas principais fontes. Saiba mais sobre a importância das vitaminas para o bom funcionamento do organismo e quais as principais fontes para ingestão desses nutrientes. Saiba mais...
Intolerância à lactose: como conviver com o problema? Saiba mais sobre a intolerância à lactose e de que forma é possível conviver com esta condição a partir de cuidados simples com a dieta. Saiba mais...
Endometriose: como afeta a saúde da mulher? Saiba mais sobre a endometriose, seus sintomas, tratamento e como interfere na saúde e na fertilidade da mulher. Saiba mais...
Síndrome de Down: cuidados e desenvolvimento. Entenda como a Síndrome de Down ocorre e de que forma os portadores podem se desenvolver e levar uma vida normal a partir dessa condição. Saiba mais...
O que são cistos mamários e como tratá-los? Entenda mais sobre os cistos mamários, suas causas e de que forma tratar esse problema a partir do diagnóstico. Saiba mais...
Gestação: quando chegam as novidades. Veja o que esperar da gestação a partir do segundo trimestre e quais as transformações para a mãe e o bebê . Saiba mais...
Principais doenças relacionadas ao sistema urinário e como tratá-las. Saiba mais sobre como manter o bom funcionamento do sistema urinário, prevenindo e tratando as infecções e outras doenças. Saiba mais...
Mocinhos e vilões nos cuidados com a saúde do coração. Saiba a importância de manter a saúde do coração e quais elementos são favoráveis e desfavoráveis nos cuidados com este órgão vital. Saiba mais...
Síndrome de Asperger: o que é como lidar com essa condição? Saiba mais sobre as características da Síndrome de Asperger, de que forma ela se manifesta e como tratar essa condição ligada ao neurodesenvolvimento. Saiba mais...
Alimentação saudável: descubra a função de cada nutriente. Entenda como cada tipo de nutriente atua no organismo e porque manter uma alimentação saudável é fundamental para a saúde. Saiba mais...
Gestação: o desafio dos 3 primeiros meses. Saiba quais os principais desafios da gestação no período inicial e como a gestante pode se preparar para esse momento. Saiba mais...
Saúde do homem e o combate ao câncer de próstata. Saiba mais sobre a importância da prevenção do câncer de próstata para a saúde do homem e como combater esse inimigo silencioso. Saiba mais...
A dor como 5º sinal vital, abordagens e tratamento. Saiba porque a dor é vista como 5º sinal vital e a importância dessa interpretação para uma melhor abordagem clínica e tratamento. Saiba mais...
Gestação: o início de uma jornada. Ao iniciar a jornada da gestação, veja a importância de informações confiáveis e de ter um médico como parceiro nos cuidados com a mãe e o bebê. Saiba mais...
Hemodinâmica: tecnologia para diagnóstico e tratamento. Veja quais os benefícios da hemodinâmica e como essa tecnologia auxilia no diagnóstico e tratamento de doenças cardiovasculares. Saiba mais...
Saúde da mulher: ações preventivas fazem a diferença. A atenção integral à saúde da mulher diz respeito a uma série de práticas que possibilitam condições de vida mais saudáveis. Saiba mais...
30 anos Santa Helena. Essa jornada também é sua... No decorrer de três décadas de história cuidando da saúde das pessoas, foi preciso muita dedicação e propósito... Saiba mais...
Conheça as principais doenças comuns no período do inverno. As doenças sazonais são aquelas que ocorrem todos os anos em determinadas estações do ano... Saiba mais...