Área do Cliente
Cliente Empresa
Corpo Clínico blog facebook
Central de marcação: 71 3622-7555
Vida e Saúde - Blog

Dor de cabeça: o que pode ser?

segunda, 25 de junho de 2018

Ter uma dor de cabeça, pode parecer algo completamente bobo e corriqueiro. Mas o certo é que dores de cabeça podem revelar muito mais sobre problemas de saúde, do que imaginamos. Como diferenciar e saber se uma dor de cabeça vai muito além de algo comum ou se requer maiores cuidados? Como saber se deve procurar ajuda?

Bem, 90% das dores de cabeça que sentimos, não tem uma causa grave. É claro que sempre que sentimos uma dor muito forte na cabeça, acabamos por relacionar e desconfiar de aneurismas, derrames ou tumores cerebrais, quando na verdade estamos apenas com sintomas de uma cefaleia simples. 

O que acontece, é que sabemos muito pouco sobre cefaleias e suas causas. Isto é, aproximadamente 90% dos casos estarão relacionados com tipos de enxaqueca, cefaleias tensionais e cefaleias salvas. E apenas 10% podem estar relacionadas com doenças mais graves. 

Diagnósticos para dor de cabeça

1) Enxaqueca (Migrenia)

Comum em mulheres e com fatores hereditários, o que chamamos de enxaqueca vai muito além de intensidade. A enxaqueca tem aura, ou seja, é uma característica própria da enxaqueca. Costumam ocorrer mais de quatro vezes ao mês. São ainda mais comuns em pessoas obesas. 

As auras são, tipicamente, pontos brilhantes, raios luminosos na vida, acompanhado de algum tipo de formigamento no corpo, que anunciam a cefaleia. Ocorrem de 4 a 5 vezes por ano quadros relacionados a vômitos, que podem ocorrer durante 4 a 6 dias, e pode até levar os pacientes a internação.

Diversos fatores podem desencadear uma crise de enxaqueca, entre eles: estresse, fumaça, menstruação, odores, refrigerantes, uso de anticoncepcionais, entre outros. Requer um diagnóstico clínico, através de ressonância magnética e tomografias. Não há cura, no entanto os tratamentos para enxaqueca se mostram bastante eficazes.

2) Cefaleia tensional

Essa é a mais comum em toda a população. Se caracteriza por uma dor leve ou moderada, sem outros sintomas correlacionados. Pode durar até 1 semana, e é uma dor que irradia pela nuca e pode chegar até os ombros. Deixa toda a musculatura da cabeça, ombros e pescoço contraídos. 

Pode ocasionar irritabilidade, falta de apetite e concentração, fadiga, insônia e dor nos olhos. Também pode ser resistente a analgésicos e criar no paciente uma certa tolerância. Pessoas com quadros de cefaleia tensional frequentes, deve ser acompanhadas de um neurologista.

3) Cefaleia em Salvas

Essa é a menos frequente e mais severa de todos os tipos de dor de cabeça. É mais frequente em homens, e ocorre em apenas um dos lados da cabeça - ao contrário da enxaqueca que pode acometer os dois lados - e costuma ser localizada em volta de um dos olhos.

Uma crise pode durar de trinta minutos a 3 horas e, no entanto, intercalar períodos assintomáticos com períodos de dor intensa, e afetar o paciente por meses e anos. Costuma ser uma dor insuportável e pode estar relacionada com diversas outras doenças graves e até fatais. 

Nesses casos a dor de cabeça por estar relacionada com tumores, aneurismas, AVC's, meningite, tromboses, entre outras doenças bastante graves. 

Caso seja apenas uma cefaleia leve, procure beber água, consulte um oftalmologista, neurologista, observe sua postura, reduza os níveis de estresse em sua vida e busque fazer exercícios frequentemente. Caso as dores não passem e você tenha percebido ou identificado esses sintomas, procure médicos em diversas áreas até eliminar o caso de doenças mais graves.

Marque aqui sua consulta.

Canal whtasapp: 71 99664-7555

Notícias recentes
Norma Regulamentadora NR4: impactos no setor de engenharia. A NR4 exige a implantação do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho... Saiba mais...
Problemas auditivos: como identificar e prevenir? Existem diversos tipos de problemas auditivos, que podem ir do mais leve grau de surdez à perda total da audição... Saiba mais...
Saiba mais sobre o Plano de Atendimento à Emergência (PAE) O PAE é um plano elaborado para determinar as devidas prevenções de emergências em empresas públicas ou privadas... Saiba mais...
Saiba a diferença entre acidente e incidente de trabalho. Do ponto de vista jurídico, incidente é toda e qualquer ocorrência não planejada ou prevista... Saiba mais...
Entenda sobre a importância do treinamento para a saúde laboral. O treinamento e exigências de procedimentos reduzem os riscos de acidentes assim como reforça o cumprimento de medidas de segurança... Saiba mais...
Conheça as principais vantagens do SESMT terceirizado. A implantação do SESMT é uma maneira eficaz de proporcionar segurança e bem-estar atuando na prevenção e tratamento de doenças ocupacionais... Saiba mais...
Dor de cabeça: o que pode ser? Ter uma dor de cabeça, pode parecer algo completamente bobo e corriqueiro, mas ela pode revelar mais sobre problemas de saúde... Saiba mais...
Por que as mudanças climáticas são prejudiciais à saúde? Conheça os principais impactos na saúde do trabalhador provocados por mudanças climáticas... Saiba mais...
Importância do planejamento para proteção contra incêndio. Entenda a importância do planejamento para proteção contra incêndio e as formas de realizá-lo evitar danos... Saiba mais...
Gripe, diagnóstico, sintomas e tratamento. Com a proximidade da chegada do inverno e o clima frio e chuvoso, vem uma série de preocupações com a saúde... Saiba mais...
Saiba mais sobre como prevenir acidentes com máquinas e equipamentos. Uma pauta muito comum no que se refere à segurança no trabalho, diz respeito à prevenção de acidentes com máquinas e equipamentos... Saiba mais...
A gestão da segurança do trabalho no crescimento da empresa. A segurança do trabalho está se tornando uma ação estratégica de crescimento e uma boa gestão pode fazer a diferença... Saiba mais...
PCMAT e PPRA, quais as principais semelhanças e diferenças? É bem comum haver confusão sobre PCMAT e PPRA por suas semelhanças, mas também é preciso conhecer as diferenças... Saiba mais...
Saúde dos olhos: dicas para prevenir problemas na visão. Negligenciar a saúde dos olhos pode trazer consequências sérias, prevenir problemas na visão também é pensar em cuidados com a saúde... Saiba mais...
Saúde mental: como atingir metas sem elevar o estresse. As metas fazem parte de nossas rotinas e podem fazer com que a gente chegue ao limite do estresse... Saiba mais...
Norma Regulamentadora (NR) 03 - Embargo ou interdição. A NR 03 trata de embargo ou interdição da obra sempre que houver risco ao trabalhador... Saiba mais...
Conjuntivite: quais as causas, diagnóstico e tratamento? A conjuntivite é uma doença que causa inflamação na parte da frente do globo ocular e no interior das pálpebras... Saiba mais...
Conheça as principais causas de acidentes de trabalho e como preveni-los. São mais de 700 mil pessoas acidentadas por ano no país, deixando o Brasil em 4º lugar no ranking em número de acidentes de trabalho... Saiba mais...
Confira as melhores dicas de como sair do sedentarismo. Um dos grandes males do século é a obesidade. Cada vez mais, nossas atividades nos exigem menos esforço físico... Saiba mais...
Saiba sobre o papel da Associação Nacional de Medicina do Trabalho. Saiba mais sobre a ANAMT e sua importância para o desenvolvimento desta área no país... Saiba mais...